top of page

ENTRE EM CONTATO CONOSCO

Precisa de um acompanhamento jurídico para o seu caso? Clique no botão ao lado.

  • Foto do escritorHiromoto Advocacia

Conheça os principais documentos médicos


documentos médicos



O prontuário médico, receituário, atestados médicos, laudos e relatórios médicos, e o termo de consentimento informado são documentos essenciais no contexto da relação médico-paciente. Eles possuem relevância jurídica e ética, sendo regulamentados por normas específicas que visam garantir a segurança, privacidade e transparência no atendimento médico.


Prontuário Médico

O prontuário médico é o documento onde o médico registra todas as informações relacionadas à saúde do paciente, incluindo anamnese, exames, diagnósticos, prescrições, evolução do quadro clínico, entre outros. Ele é protegido pelo sigilo profissional e possui valor legal, sendo regulamentado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pelo Código de Ética Médica.


Receituário

O receituário médico é o documento pelo qual o médico prescreve medicamentos ao paciente. Deve conter informações laras e precisas, como nome do paciente, data, medicamentos prescritos, posologia, assinatura e identificação do médico. O receituário é regulamentado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e pelo CFM.


Atestados Médicos

Os atestados médicos são documentos que comprovam a condição de saúde do paciente e sua aptidão ou inaptidão para determinadas atividades. Devem conter informações sobre o diagnóstico, data, carimbo, assinatura e identificação do médico. A emissão de atestados médicos é regulamentada pelo CFM.


Laudos e Relatórios Médicos

Os laudos e relatórios médicos são documentos que descrevem detalhadamente exames, procedimentos e avaliações médicas. Podem ser utilizados como meio de prova em processos judiciais e administrativos, devendo ser elaborados de forma clara, objetiva e imparcial. A elaboração de laudos e relatórios médicos é regulamentada pelo CFM.


Termo de Consentimento Informado

O termo de consentimento informado é o documento pelo qual o paciente expressa sua concordância com determinado procedimento médico, após receber informações claras e completas sobre os riscos, benefícios, alternativas e consequências. Sua utilização é obrigatória em procedimentos invasivos, cirúrgicos e em pesquisas científicas, sendo regulamentado pelo CFM e pelo Código de Defesa do Consumidor.


Conclusão

Os documentos relacionados à prática médica possuem grande importância no contexto jurídico e ético, sendo essenciais para garantir a segurança e a transparência na relação entre médico e paciente. Sua correta elaboração e utilização estão diretamente ligadas ao respeito aos direitos e à dignidade do paciente, bem como à responsabilidade do profissional de saúde.



documentos médicos

8 visualizações

HIROMOTO ADVOCACIA é um escritório 100% Digital com forte atuação nas áreas da Saúde, Tributária, Previdenciária, Família, Consumidor, Imobiliário, Condominial Cobrança e LGPD.

Enfrentando problema parecido?

Consulte um de nossos advogados

bottom of page